Aumenta a procura pela equoterapia no tratamento pós-Covid

Descrição da imagem: Foto da menina Ester. Ela está escovando um cavalo marrom. Fim da descrição.
Ester durante atividade da equoterapia (Foto: Divulgação)

Os centros de equoterapia têm auxiliado na reabilitação pós-Covid. Isso se aplica tanto às pessoas com deficiência, quanto para pessoas que adquiriram deficiência, sequelas neurológicas, motoras, respiratórias, cognitivas, psicológicas e emocionais.

A Covid-19 apareceu de repente no mundo, contaminando multidões, pessoas em óbito e mudando suas rotinas. Neste momento entramos numa guerra, em que nosso armamento é a prevenção, a higienização e o isolamento social.

Uma pandemia que modificou nossas vidas e nos trouxe uma vulnerabilidade em vários tópicos como financeiro, emocional e perdas de entes queridos. Contudo, a pandemia, além de toda essa demanda associada ao caos de algo repentino que modificou a vida de todos definitivamente, pessoas sobreviventes às contaminações graves ficaram marcadas com sequelas determinantes.

Reabilitação pós-Covid

Descrição da imagem: Foto da menina Ester. Ela está montada em um cavalo marrom. Fim da descrição.
Ester durante atividade de reabilitação na Hípica (Foto: Divulgação

A Hípica Santa Terezinha, em Carapicuíba (SP), tem recebido procura pela intervenção terapêutica em reabilitação para pessoas e crianças com sequelas neurológicas, respiratórias, emocionais e aquisição da deficiência. O luto pelas perdas de amigos e familiares transformou a equoterapia também num suporte para melhora e acolhimento emocional. 

Segundo Leidiane Fortuna Inada psicóloga, equoterapeuta, neuropsicóloga e responsável pelo Núcleo de Equoterapia Cavalcare, em Birigui (SP), tem atendido praticantes pós-Covid desde agosto de 2020, com o tratamento prognóstico embasado na melhora da respiração, do equilíbrio e do fortalecimento muscular, entre outros, decorrentes dos sintomas causados após a doença.

Ester dos Reis Alves, de 9 anos, é praticante de equoterapia e ficou internada por 12 dias. Somente depois do terceiro teste recebeu o diagnóstico de Covid-19, e ficou 27 dias na UTI, com respiração mecânica, além do tempo de internação no quarto, até o retorno para casa.

Com comprometimentos nos aspectos motores, sensoriais e psicológicos, Ester reaprendeu como a equoterapia pode trazer novos significados mesmo com limitações e está passando por um processo de reabilitação através da intervenção terapêutica para a melhora do seu quadro diagnóstico.

Benefícios da equoterapia

A equoterapia proporciona, por meio do cavalo, uma gama de objetivos para habilitação e reabilitação para os quadros motores, cognitivos, comportamentais, emocionais e sociais, com uma equipe multidisciplinar. Para saber mais, procure um centro de equoterapia regulamentado.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.