Entenda a importância do braile para pessoas com deficiência visual

Entenda porque o sistema braile é fundamental para promover o desenvolvimento de pessoas com deficiência visual.

0
174
Descrição da imagem #PraCegoVer: Imagem no formato retangular, na horizontal. Dedos fazem a leitura em braile em um documento impresso. Fim da descrição.
Sistema Braile é fundamental para o desenvolvimento educacional de pessoas com deficiência visual (Foto: Divulgação)

Hoje, 8 de abril, é comemorado o Dia Nacional do Sistema Braile, mas, você sabe qual a importância do braile para pessoas com deficiência visual?

Uma criança que nasce cega ou torna-se cega antes da alfabetização só pode ser alfabetizada aprendendo o braile. O sistema é a única ferramenta capaz de garantir o aprendizado – e o exercício – da escrita e da leitura.

Esse sistema de escrita e leitura continua sendo imprescindível para maior autonomia e segurança das pessoas cegas para, por exemplo, ingerir e administrar remédios, pedir um extrato bancário e ter privacidade para consultá-lo, verificar contas de consumo ou ainda ter acesso ao conhecimento por meio de livros acessíveis.

No dia 17 de dezembro de 2018, ou seja, há menos de um mês, a Assembleia Geral das Nações Unidas reconheceu o Dia Mundial do Braile como instrumento de conscientização sobre a importância do Sistema como meio de comunicação e informação.

Mesmo com o avanço de recursos como o livro digital acessível ou audiolivro, o braile proporciona independência e a representação tátil das letras é indispensável também para a transcrição de gráficos, símbolos matemáticos, ilustrações, entre outros símbolos que fazem parte do processo educacional.

Ampliação do braile

No ano em que Dorina Nowill completaria 100 anos, a Fundação Dorina Nowill para Cegos segue o legado indo além da produção de livros em braile. Mas as comemorações do Centenário da fundadora começam lembrando do primeiro compromisso da entidade com as pessoas com deficiência visual.

Neste ano, a Fundação Dorina Nowill vai ampliar seu parque gráfico, incorporando 26 novas impressoras digitais de braile e, consequentemente, aumentando sua capacidade de produção para até 450 mil páginas braile por dia.

“Considerando as referências que temos no Brasil e no mundo, a expansão da nossa imprensa braile coloca a Fundação Dorina Nowill para Cegos como uma das maiores gráficas do sistema no mundo”, informa Alexandre Munck, superintendente da instituição.

Segundo ele, para as editoras, empresas e prestadoras de serviço do país, trata-se de um importante meio para as empresas viabilizarem a acessibilidade de publicações, embalagens, cardápios e demais materiais gráficos para aproximadamente 6,5 milhões de pessoas com deficiência visual que vivem no Brasil.

 

Braille Bricks: Conheça os blocos de montar adaptados

Turma da Mônica lança tirinha sobre autismo

Alok descreve vídeo para jovem com deficiência visual

 

 

Portal Acesse

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.