Diário de Mika: Animação brasileira promove a inclusão

Semanalmente, vai ao ar no canal do YouTube um episódio da série com tradução em Libras. 

1
437
Descrição da imagem #PraCegoVer: Imagem no formato retangular, na horizontal. Imagem da animação Diário de Mika. Mika está com uma amiguinha, que é negra e tem cabelos pretos e cacheados, que estão presos. Mika tem cabelos vermelhos e pele clara. Seu cabelo está presos em rabos laterais. Elas estão brincando com cartas, que estão sobre a grama. No rodapé da imagem estão a palavra Episódio e a palavra Libras, está escrita em Libras. Fim da descrição.
Imagem da animação Diário de Mika, que tem tradução em Libras (Imagem: Reprodução)

Diário de Mika é uma série de animação brasileira produzida pela Supertoons, o mesmo estúdio que produziu os sucessos ‘Carrossel em Desenho Animado’ (SBT) e ‘Zupt! com Senninha’ (Discovery Kids) entre outras animações de sucesso, que vem conquistando o público infantil e promovendo a inclusão.

Semanalmente, às terças e quintas, vai ao ar no canal do YouTube um episódio da série com tradução em Libras, para crianças com deficiência auditiva.

A primeira temporada da série também está disponível na Netflix e no Play Plus (aplicativo da Record TV), além dos canais Disney Junior e TV Brasil. A série também está disponível nas plataformas NOW, Looke, PlayKids, dentre outras. E atualmente é exibida em mais de 100 países em todos os continentes.

 

Diário de Mika

Descrição da imagem #PraCegoVer: Imagem no formato retangular, na horizontal. Imagem da animação Diário de Mika. Mika é uma menina de 4 anos, que tem cabelos vermelhos e pele clara. Seus cabelos são presos em rabos laterais. Na imagem, Mika está segurando um guarda-chuva. No canto superior esquerdo está escrito: Libras, em Libras. Abaixo está a imagem de Mika, fazendo o sinal da palavra Libras, e abaixo dela, está escrito: Episódio. Fim da descrição.
Episódios do YouTube contam com acessibilidade em Libras (Imagem: Reprodução)

A série apresenta um novo olhar sobre os temas abordados do fantástico mundo de descobertas e conquistas de crianças em idade pré-escolar. Todos os episódios são desenvolvidos com acompanhamento psicopedagógico.

A história da série gira em torno de Mika, uma menina de 4 anos, muito curiosa que está aprendendo a lidar com todas as novidades que o mundo tem a oferecer. A cada acontecimento que surge em sua vida ela corre até seu quarto e, por meio de desenhos feitos em seu tablet, conta o que lhe está acontecendo para seus amigos brinquedos que ganham vida em sua presença. Com a ajuda dos amigos, Mika vai investigar, aprender e descobrir um monte de coisas novas em suas aventuras!

Atualmente a Supertoons desenvolve um projeto transmídia que envolve a produção de DVDs, CDs, shows, peças de teatro e licenciamento de produtos, além da criação de conteúdo para as redes sociais com enfoque tanto para as crianças como para seus pais e educadores.

Descrição da imagem #PraCegoVer: Imagem no formato retangular, na horizontal. Imagem da animação Diário de Mika. Mika está com em meio a vários brinquedos coloridos. Mika tem cabelos vermelhos e pele clara. Seu cabelo está presos em rabos laterais. No rodapé da imagem estão a palavra Episódio e a palavra Libras, está escrita em Libras. Fim da descrição.
Animação apresenta um novo olhar sobre o mundo de descobertas (Imagem: Reprodução)

Além de ser um fenômeno, a série também foi indicada ao EMMY KIDS 2017, o mais importante prêmio da TV mundial na categoria ‘Crianças: pré-escolar’. “Eu fiquei muito emocionada com a indicação, pois isso é um reconhecimento a todo o nosso trabalho. Fico feliz em saber que a Mika está ganhando o mundo”, conta a presidente da Supertoons, Elizabeth Mendes.

Confira a entrevista com o presidente da Supertoons e produtor do Diário de Mika, Dario Bentancour, profissional especializado em animação, desde os anos 1980.

De onde surgiu a ideia de promover a inclusão com a animação Diário de Mika?
A série tem cativado crianças de todas as idades. Embora o público alvo seja de 2 a 5 anos, temos um retorno muito bom nas mídias sociais com todas as idades. Vimos também que há crianças com deficiências, síndromes e com autismo, que seguem a Mika. Além disso, temos depoimentos de educadores em sala de aula, psicólogos e nutricionistas que usam a Mika como ajuda, por ter um conteúdo lúdico e educativo. Vimos que as minorias têm pouca atenção das mídias, principalmente de conteúdo infantil. Acreditamos que a inclusão é fundamental.
Quais os principais desafios para incluir a acessibilidade em Libras, na série?
Não tivemos problemas, e acho que todos os meios deveriam dispor dessa alternativa, afinal temos uma população significativa com deficiência auditiva.
Existe algum projeto para ampliar esse projeto de acessibilidade para crianças?
No ano passado fizemos uma apresentação com tradução em Libras no teatro e foi um sucesso. Queremos ampliar essa experiência nas demais apresentações que faremos em todo o país. Para a série ainda enfrentamos o problema do custo, já que para o audiovisual o investimento é alto. No entanto, está em nossos planos incluir a tradução em Libras nos próximos 26 episódios da 3ª temporada da série. Esperamos encontrar empresas parceiras que queiram estar conosco e assim ampliar as possibilidades de levar alegria e conhecimento para todas as crianças.

Assista a um dos episódios!

 

 

O manejo do cavalo na equoterapia

Benefícios do atendimento em grupo terapêutico coletivo

Fotógrafa adota gato cego e faz sucesso na web

 

 

Portal Acesse

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.