Canal Inclusão na Lata discute deficiências de forma inteligente e divertida

0
1676
Descrição da imagem #PraCegoVer: Imagem na retangular, na vertical. Dudé e Renata durante a gravação do programa. Ao fundo vemos uma imagem da silhueta de um casal, na praia. Em primeiro plano, temos Dudé, que usa óculos, é moreno e tem pele clara, cabelo e barba castanhos. Dudé não tem os braços. Ele usa uma regata azul. Renata, que está ao seu lado, tem pele clara, cabelos longos e loiros. Ela usa uma blusa cinza e um colete jeans. Fim da descrição.
Dudé e Renata durante a gravação do Inclusão na Lata (Foto: Gusa Henri e Bruno Bulga)

No ar há quatro meses, o canal Inclusão na Lata aborda temas relacionados ao público com deficiência, de forma inteligente e divertida, e tem dado o que falar, desde que foi lançado.

Apresentado pela jornalista Renata Lellis e pelo músico Dudé, o Inclusão na Lata já abordou temas como militância, terminologias, sexualidade, lei de cotas e capacitismo, em programas com duração de aproximadamente seis minutos, que contam com acessibilidade para todos os públicos, o que envolve tradução em Libras (Língua de Sinais), audiodescrição e legendas.

Em um único dia, eles gravaram 20 programas, que estão sendo publicados no canal do Inclusão na Lata, no YouTube.

 

O nascimento do Inclusão na Lata

Idealizado por Renata, especialista em inclusão corporativa, o canal nasceu com a proposta de agregar todos os interessados em temas relacionados ao universo das pessoas com deficiência. “A proposta do Inclusão na Lata é juntar militâncias e incentivar o empoderamento das pessoas com deficiência e, por isso, quando tive a ideia de criar o canal, logo pensei no Dudé, porque me identifiquei com ele logo que o conheci”, explica Renata.

Depois das primeiras conversas, todas à distância, já que eles vivem em cidades diferentes, foram apenas 30 dias até o encontro para as gravações, realizadas em Sorocaba, no interior de São Paulo.

“Quando a Renata me procurou e contou a ideia, eu topei na hora participar do canal. Houve uma identificação imediata com a proposta dela, de falar sobre temas de inclusão, sem frescura. Compartilhamos das mesmas opiniões e isso fez com que as coisas fluíssem muito facilmente”, conta Dudé.

A ideia, segundo Renata, é dar voz para que as pessoas possam compartilhar suas opiniões. “Queremos saber o que as pessoas querem falar, os temas que elas querem que a gente aborde e essa participação do público é fundamental para darmos continuidade”, conta ela, que comemora o feedback positivo por parte do público.

Já para Dudé, “um dos principais pontos do programa é tratar de assuntos que durante anos foram jogados pra debaixo do tapete e que precisam chegar às grandes massas”.

Nos próximos meses, o canal deverá lançar uma linha de produtos, que serão comercializados online, além de oferecer serviços como palestras e workshops para empresas, sempre com foco em debater a inclusão, de forma inteligente e objetiva. “Neste momento, estamos buscando parcerias para viabilizar novos programas. Aguardem novidades!”, conclui Renata.

Confira o programa!

 

 

NOTÍCIAS RELACIONADAS

. Conheça as terminologias utilizadas na legislação brasileira

. Filmes sobre deficiência física que você precisa assistir

. Turma do Dauzito: Pai cria quadrinhos para promover a inclusão

 

 

Portal Acesse

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.