Gigante Leo fala sobre sua atuação na TV

0
997
Descrição da imagem #PraCegoVer: Imagem no formato retangular, na horizontal. O ator Gigante Leo entre os atores de seu núcleo da novela Novo Mundo. Fim da descrição.
Nosso colunista, conta detalhes sobre sua participação na novela Novo Mundo (Foto: Divulgação/Rede Globo)

Conhecido como Gigante Leo, nosso colunista Leonardo Reis fala sobre sua atuação na novela Novo Mundo. Ele começou a ganhar destaque nacional ao conquistar o Prêmio Multishow de Humor, em 2012, exatamente dez anos após iniciar sua carreira artística, atuando em um clipe musical. Formado em Ciências da Computação e mestre em Engenharia de Software, podemos garantir que não é só no humor que ele se destaca.

Com 15 anos de experiência como ator, Leo é considerado um dos principais humoristas do Brasil e teve seu talento reconhecido no convite para interpretar Hércules, na novela Novo Mundo. “É como estar sonhando acordado. Hércules tem um tom cômico, mas longe de uma comédia cheia de clichês, que trata o anão como escada”, garante Leo, que divide as cenas com Vivianne Pasmanter e Ingrid Guimarães.

 

Confira a entrevista exclusiva que Leo concedeu para o portal Acesse!

Descrição da imagem #PraCegoVer: Imagem no formato retangular, na horizontal. O ator Gigante Leo entre os atores de seu núcleo da novela Novo Mundo. Fim da descrição.
Leo com seus colegas de elenco da novela Novo Mundo (Foto: Divulgação/Rede Globo)

Essa é sua primeira participação em novelas?

Sim, é um grande presente e uma oportunidade de aprendizado incrível. Ao mesmo tempo, é um grande desafio entrar numa trama com tanto sucesso e com um time de primeira. Está sendo uma experiência extremamente prazerosa e gratificante e de grande crescimento profissional.

 

E como surgiu o convite?

A produtora de elenco da Globo, Malu Fontinelle, me enviou uma mensagem dizendo que a produtora Márcia Andrade pediu para que eu entrasse em contato urgente com ela para enviar links de trabalhos que tinha feito. Na mesma hora enviei os links, que foram aprovados e eu tive a alegria de fazer parte dessa grande trama.

 

E quais são seus próximos projetos?

Tenho propostas de gravar alguns curtas, viajar com o meu solo de humor ‘Verticalmente prejudicado’ pelo país, estrear minha peça que escrevi junto com Ulisses Matos chamada ‘Mentira tem perna curta’ e lançar, em novembro, o filme ‘Altas expectativas’, em que interpreto um treinador de cavalos do Jockey se apaixona por uma mulher que não sabe rir e, para conquistá-la, faz de tudo.

Descrição da imagem #PraCegoVer: Imagem no formato retangular, na vertical. O ator Gigante Leo, caracterizado durante a gravação da novela Novo Mundo. Fim da descrição.
Gigante Leo fala sobre seus próximos trabalhos (Foto: Divulgação/Rede Globo)

Como você avalia esse momento para a dramaturgia brasileira?

A figura do anão na arte é sempre bem recebida e sempre teve o seu espaço, sobretudo no humor, mas sempre servindo de escada para alguém ou papéis secundários, nunca o protagonismo. Fico feliz em perceber que esse paradigma está sendo quebrado, possibilitando que anões interpretem tanto papéis cômicos, quanto dramáticos. Certamente o personagem Hércules da novela Novo Mundo é um belo e grande passo nessa direção. Além dessa iniciativa temos outras que apontam para esse novo despertar, como o personagem Nico, interpretado por Giovanni Venturini, na novela Cúmplices de um resgate, no SBT; o filme Altas expectativas, da Globo Filmes; e a personagem Estela, que será interpretada por Juliana Caldas, que será uma filha com nanismo que foi rejeitada pela mãe na próxima novela das nove da TV Globo, de Walcyr Carrasco. Enfim, finalmente a dramaturgia brasileira está amadurecendo e reconhecendo que pessoas com nanismo podem representar grandes papeis e são talentosas de verdade. Espero que em breve possamos assistir atores com nanismo fazendo protagonismo, seja como casais românticos ou como vilões, em novelas e séries brasileiras.

 

Outras notícias sobre o Gigante Leo

. Por trás dos super-heróis

. Normal ou comum? Eu sou especial

. Somos todos iguais, com dificuldades diferentes

 

 

Portal Acesse

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here